17
Mar 10

A frase do dia 17 de Março é:

 

" O valor dos grandes homens mede-se pela importância dos serviços prestados à humanidade" - Voltaire

publicado por Ze Chuchas às 21:41

Faz agora poucos dias, que se deu lugar ao congresso nacional do PSD, para se discutir o estado actual do partido e a melhor maneira de fazer oposição ao governo. Apesar de um inicio muito prometedor o congresso ficou marcado pela aprovação da apelidada "lei da rolha", regulamento interno proposto pelo senhor Pedro Santana Lopes, onde todo o militante que criticar um líder partidário nos 60 dias anteriores a uma eleição será punido, eventualmente com expulsão do partido.

Este regulamento é simplesmente vergonhoso, pois corta qualquer tipo de divergência a nível interno e qualquer tipo de debate durante esse tempo a nível interno, isto pode ser até considerado uma ditadura de dois meses cíclica conforme o período de eleições. Pelos vistos a famosa "ironia" que a senhora Manuela Ferreira Leite utilizou na sua famosa entrevista na RTP 1 de que devíamos fazer uma pausa de 6 meses no regime democrático não era assim tão irónico, já que a senhora não teve problemas em apoiar tal regulamento....

Acho simplesmente vergonhoso um partido que tem no seu próprio nome a social democracia aprove um regulamento deste tipo, que impede a emissão de opinião divergente que possa existir durante alguns períodos de tempo.

Tal como disse o senhor Pedro Santana Lopes nem o PCP se lembrou de escrever um regulamento desse tipo nos seus estatutos.....

publicado por Ze Chuchas às 21:24

08
Mar 10

A frase do dia 8 de março de 2010 é:

"O homem começa a morrer no dia em que perde o entusiasmo" - Honoré de Balzac

publicado por Ze Chuchas às 00:08

06
Mar 10

A frase do dia 6 de Março é:


"Põe quanto tu és no mínimo que fazes" - Fernando Pessoa

publicado por Ze Chuchas às 01:56

05
Mar 10

Ontem, dia 4 de Março, houve lugar a uma greve na função pública portuguesa, os trabalhadores reivindicam um aumento salarial que as novas medidas do governo PS, congelaram até 2013. Do meu ponto de vista esta greve é desnecessária e não leva a lado nenhum, embora como democrata a tenha de respeitar e reconhecer o direito de quem queira de a fazer. Este dia de greve sinceramente só contribuiu para uma diminuição ainda maior do já ineficientes serviços públicos e para a construção de mais um circo na comunicação social portuguesa.

Entendo que os trabalhadores desejem aumentos todos os anos que lhes permita uma melhoria progressiva de vida ao longo dos anos, mas o que estes trabalhadores têm de perceber é que a economia portuguesa neste momento não suporta nem suportará aumentos salariais na função pública, é impossível pedir a uma economia que importa mais do que exporta e que possui uma divida pública gigante em tempos de crise económica internacional que suporte mais aumentos salariais na função pública.

Portanto como já dei a perceber só contra a favor da greve que aconteceu no dia 4 de Março, eu só poderia aceitar uma manifestação onde o pedido de ordem fosse um reposição de igualdade nos sacrifícios da população em tempos de crise, o que eu quero dizer com isto é que para além de serem congelados os aumentos na função pública, fosse também cortados outros "dinheiros" que poderiam levar a uma grande poupança como por exemplo a extinção ou congelamento de bónus aos gestores, proposta esta, avançada pelo CDS-PP e aprovada no parlamento, felizmente, podendo também passar pela extinção do 13 mês aos deputados, proposta essa chumbada no parlamento curiosamente por partidos que mais defendem a solidariedade com os mais pobres, não percebo principalmente a posição do PS, já que na função pública congela os ordenados e depois um sacrifício que a classe política poderia fazer, vota contra a proposta apresentada no parlamento.

Tudo isto poderá ser demagogia da minha parte ou um devaneio de um cidadão preocupado, simplesmente acho que uma manifestação nos pressupostos que falei seria mais inteligente e importante do que uma a reivindicar aumentos salariais a uma economia doente e fraca em tempos de crise...

publicado por Ze Chuchas às 23:36

A frase do dia 5 de março de 2010 é:

 

" Todos nascemos loucos. Alguns de nós continuamos a sê-lo " - Samuel Beckett

publicado por Ze Chuchas às 01:48

04
Mar 10

Achei por bem para não fazer sempre enormes textos, que seria ideal pôr no blog frases de grandes autores e filósofos, transmissoras de ensinamentos para o nosso dia-a-dia e para a nossa vida presente e futura.

 

A frase escolhida para o dia de hoje 4 de março de 2010 é a seguinte:

 

"A vantagem de ter péssima memória é divertir-se muitas vezes com as mesmas coisas boas como se fosse a primeira vez" - Friedrich Nietzsche

 

publicado por Ze Chuchas às 02:00

Vou começar neste blog a falar sobre um tema que devia preocupar toda a gente no mundo, que é o associativismo jovem, apesar de ser algo que deveria ser de preocupação mundial, eu apenas me debruçarei sobre o associativismo jovem em Portugal, a minha terra natal e o caso onde poderei falar com maior conhecimento de causa.

Actualmente o associativismo jovem em Portugal atingiu níveis imensamente baixos, facto que deveria causar algum desconforto nos cidadãos portugueses, já que os jovens serão o futuro deste país, mas infelizmente isso não acontece, simplesmente é um facto que passa completamente ao lado das pessoas. Nos dias de hoje existe uma cultura egocêntrica e de desinteresse nos jovens gigantesca, onde a sua única preocupação é safar a sua vidinha nem que para isso pisem os outros ou desrespeitem as liberdades e direitos dos outros. Apesar do interesse pessoal reger sempre as nossas vidas, isso é algo inevitável e indissociável da natureza do ser humano, não entendo o porque dos jovens não serem pró-activos e lutarem em conjunto muitas vezes por direitos e interesse comuns. Eu já não digo, nem defendo uma juventude altamente intelectualizada e consciente que traria benefícios gigantes à sociedade futuro e um melhoramento significativo da vida em comunidade e mesmo em democracia, mas há limites mínimos e apesar de existirem casos contrários na nossa juventude, alguns deles pessoas com quem tive o privilegio de privar, a juventude portuguesa é tudo menos pró-activa. A maioria dos jovens não sabe o que é intervir na sociedade civil seja de que maneira for e porque motivo for, para alem disso a maioria dos jovens quando abordados para efectivarem algum participação na mesma, ignoram essa abordagem ou rejeitam-na terminantemente. Poderia dissertar horas sobre os factores que levam ou levariam a esse afastamento da vontade de intervir na sociedade mas não me irei alargar sobre esse facto, neste momento não é sobre isso que me quero versar.

O assunto que eu pretendo relevar é a importância da existência de um associativismo jovem, que fomente a consciencialização dos jovens e os torne cidadãos futuros mais responsáveis e activos na sociedade, pois assim garantiremos uma população mais preparada para o futuro e capaz de lutar pelos seus direitos que são seus por direito, não falando da melhoria potencial que esse associativismo traria à vida e satisfação da população em geral.

Percebo e entendo que nem todos os jovens gostem de participar em debates, pertencerem a juventudes partidárias, participarem em associações de estudantes, moradores, ou ajudarem uma instituição em vez de ir sair à noite ou andar na palhaçada com os amigos, embora uma coisa não invalida a outra, dá para realizar as duas coisas ou até porque não juntá-las. A pró-actividade jovem é essencial para uma sociedade jovem, culta e saudável pronta a responder a qualquer desafio que lhe seja apresentado, por isso todas as pessoas deveriam acordar para a realidade actual e incentivar a participação dos jovens na sociedade civil, senão corremos o risco de tornar as coisas pior do que estão vivendo numa sociedade doente, rígida que não luta para a melhoria do estado de sitio do país e da sua própria situação.

Depois desta viagem, poderão ser levados a pensar que eu tenho uma visão pessimista das coisas e que rotulo os nossos jovens de maus, feios e porcos, bem pelo contrário, é por saber as potencialidades da juventude portuguesa que digo isto e porque quando surgem causas nobres que necessitam de ajuda o jovem português é dos mais solidários e contribuinte para a ajuda aos necessitados, portanto nós temos a semente só temos de rega-la bem para depois termos um enorme rebento..... 

publicado por Ze Chuchas às 01:09

03
Mar 10

Olá chamo-me Marcelo e achei no meu pequeno pensamento, que com os meus 19 anos de vida,ainda não tinha feito algo de libertador, espontâneo, que pudesse instigar a um desenvolvimento da minha intelectualidade ao ritmo de uma amena e relaxada conversa de café. É da minha nobre opinião que todos os jovens devem debater sobre tudo o que se passa na sociedade seja a nível social, político ou cultural. Não há nada melhor do que falar abertamente sobre os diversos temas que moldam a nossa vida, uma grande dádiva que nós é concedida pela democracia e pela sociedade actual e que a maioria de nós não sabe usá-la muito menos respeita-la. Por todas estas razões achei que estava na hora de interferir na sociedade por uma via diferente da qual estou neste momento a utilizar que é a via política, através de uma juventude partidária. Podem perguntar-me porquê por aqui? Sinceramente não sei, talvez por a actualidade estar dominada pelas tecnologias e a minha escrita aqui no blog só ser possível devido a essas mesmas tecnologias ou porque simplesmente quis experimentar outra via de comunicação. Espero que sigam atentamente o blog e que achem o seu conteúdo interessante e bom.

publicado por Ze Chuchas às 23:39

Março 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


subscrever feeds
arquivos
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO